quinta-feira, 2 de julho de 2009

Eu não exito.

Voce está comigo.
amor que nao se mede,
amor que talvez nem exista.

As vezes penso que voce não é do meu mundo.
Meu cabelo nao te atrai, meu dom nao é do teu agrado,
eu nao faço seu tipo, eu sou teu tudo?

Eu nao sou seu tudo, voce não é do meu mundo.
Vivo e sei viver, eu nao existo pra voce;
Voce desabafa comigo, voce sorri pra mim.
Eu tambem sorrio, penso e penso, me da um aperto no peito.
Nao sei o que fazer, voce me ama, eu sei que sim.
Eu tambem, acredite.
Meu cavalo laranja, vou correndo, correndo ao seu encontro.
Viver meu mundo, onde ele irá me escutar.
Voce olha pra mim, voce tem presta atenção no que eu digo.
Voce nao me encherga, voce nao me ouve.
Eu nao faço seu tipo,
como pode, como pode acontecer?
Eu nao te atraio, mas meu jeito, talvez irresistivel te atraia,
com olhares e pensamentos.
Isso acontece, sempre acontece,
Voce é a pessoa certa? Não sei, como saber?
Voce me escuta? Eu te ouço, mas voce me ouve?
Voce me ama;
M-mas, eu nao sou seu tipo,
//Coração de pedra, coração de Metal //
Voce nao é do meu mundo.
Eu nao existo, realmente,
Eu não exito.
Talvez,... nem seja amor.

2 comentários:

  1. Lucas, a vida não é o que voce pensa, nem o amor é o que voce imagina.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir